Palocci deve deixar ministério nesta semana

O ministro da Fazenda, Antonio Palocci, deve deixar o governo nesta semana.O presidente Luiz Inácio Lula da Silva teve no domingo uma longa conversa reservada com Palocci, na Granja do Torto, e a avaliação foi de que o governo não pode continuar ?sangrando em praça pública? por causa da crise provocada com a violação do sigilo bancário do caseiro Francenildo dos Santos Costa, o Nildo, que teve sua vida devassada depois de desmentir Palocci.Segundo reportagem publicada no Estado desta segunda-feira, o ministro reiterou a Lula que não tem condições de permanecer enfraquecido no governo. Além disso, está emocionalmente abalado com o escândalo e quer preservar a família.Na conversa com Palocci, que durou duas horas, o presidente disse que a solução para o caso não pode passar desta segunda-feira, sob pena de o governo ficar completamente desmoralizado pela convicção geral de que está acobertando os mandantes da quebra de sigilo.A imagem que ?colou? na opinião pública, conforme admitiu um interlocutor de Lula, é a de que o governo do PT persegue um caseiro. Na avaliação do Planalto, essa imagem seria ?fatal? na campanha à reeleição, segundo a reportagem de Vera Rosa.O presidente convocou para às 15 horas, uma reunião com a coordenação política do governo, para avaliar a crise e bater o martelo sobre o destino de Palocci e também do presidente da Caixa Econômica Federal, Jorge Mattoso - que balança por causa da violação do sigilo bancário do caseiro.O encontro ocorrerá logo depois que Lula voltar de Curitiba, onde participa da abertura da conferência das Nações Unidas sobre biodiversidade. Às 19 horas a conversa de Lula será com o líder do governo no Senado, Aloízio Mercadante (PT-SP), um dos cotados para substituir Palocci.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.