Palco desaba e fere governador em exercício de SC

O governador de Santa Catarina em exercício, o deputado estadual Jorginho Mello (PSDB), sofreu acidente na manhã de hoje durante uma missa em homenagem a Nossa Senhora Aparecida realizada no centro da cidade de Campos Novos, na zona oeste de Santa Catarina. Parte do palco em que estavam o governador e autoridades do município desabou, levando ao chão seis pessoas e ferindo duas que estavam nas imediações. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o governador em exercício foi levado ao Hospital Doutor José Atanásio, em Campos Novos, onde foi diagnosticado um traumatismo pélvico sem grandes complicações, na altura do joelho.

GUSTAVO URIBE, Agencia Estado

12 de outubro de 2009 | 18h37

A assessoria do município informou que Mello foi medicado com anti-inflamatórios e está em repouso. A expectativa era que ele retornasse ainda hoje para Florianópolis, onde será submetido a mais exames. Titon teve escoriações leves no braço e Mantovani sofreu apenas arranhões. Ainda não há informações sobre as causas do acidente. O palco era de responsabilidade da Igreja Católica, que organizou o evento.

O palco tinha dois metros de altura e acompanhavam a celebração cerca de 50 mil fiéis, que voltavam de tradicional procissão em homenagem à santa, segundo a assessoria. Entre os acidentados estão o deputado estadual Romildo Titon (PMDB) e o secretário de Desenvolvimento Regional, Alcides Mantovani.

A assessoria de imprensa do governador informou que os compromissos de hoje foram cancelados por orientações médica. Jorginho Mello tinha agenda no Vale do Itajaí, em Brusque e em Blumenau. Ele assumiu provisoriamente o governo de Santa Catarina na sexta-feira, em virtude de compromissos no exterior do governador Luiz Henrique da Silveira (PMDB) e do vice, Leonel Pavan (PSDB). A previsão é de que Mello fique no cargo até a segunda-feira da semana que vem.

Tudo o que sabemos sobre:
acidentegovernadorJorginho MelloSC

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.