País precisa de 'milhões' de técnicos, diz Dilma em PE

A presidente Dilma Rousseff disse no final da tarde desta sexta-feira, 13, que o Brasil tem poucos técnicos de formação e que precisa de "milhões" desses profissionais para ser uma nação desenvolvida. "Nós escancaramos as portas para o ensino técnico e profissional porque quanto mais brasileiros e brasileiras com essa formação, melhor será para o Brasil", afirmou, durante cerimônia de formatura de 1.300 alunos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), Olinda (PE).

MÁRIO BRAGA E CARLA ARAÚJO, Agência Estado

13 Junho 2014 | 18h33

A presidente destacou ainda a importância dos cursos oferecidos pelo Pronatec não terem custos para os estudantes. "Se não é gratuito, já esta errado de início. Você seleciona e discrimina pela renda", comentou. "Se queremos que todo mundo cresça, todo mundo tem que ter a mesma oportunidade", avaliou. Em seu discurso, Dilma anunciou também que vai lançar na próxima quarta-feira, dia 18, a segunda etapa do programa, o Pronatec 2.

Mais conteúdo sobre:
ELEIÇÕES DILMA LULA PE VISITA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.