Paes prepara cortes de R$ 700 mi no Rio

O novo prefeito do Rio, Eduardo Paes, baixará em seu primeiro dia de governo um pacote para conter gastos e ajustar o Orçamento em no mínimo R$ 700 milhões. "É preciso ajustar isso em um primeiro momento, por isso o pacote irá desde a diminuição dos cargos comissionados até a redução do custeio", afirmou o futuro secretário municipal da Casa Civil, Pedro Paulo Carvalho. A medida foi anunciada no mesmo dia em que estudo da Fundação Getúlio Vargas (FGV) sobre as finanças do município de 2001 a 2007 apontou "a deterioração da situação financeira" da prefeitura.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.