P-36: ANP e Marinha formarão comissão única

O diretor-geral da ANP, David Zylbersztajn, disse que em poucos dias será formalizada uma comissão conjunta da ANP e Marinha para investigar o acidente com a plataforma P-36. "Tanto a ANP quanto a Marinha formaram comissões, que informalmente já estão trabalhando juntas. Agora, isso será formalizado para que apenas um relatório seja feito", afirmou. Zylbersztajn acredita que o relatório final fique pronto em 60 dias. Ele disse que esse prazo é necessário porque primeiro a Petrobras precisa concluir o seu relatório, o que deve acontecer em 30 dias. "Há uma expectativa no governo de que a ANP assuma esta função de examinar o relatório, que será feito pela Petrobras. Quando a empresa tiver concluído suas investigações, teremos condições de iniciar esta análise." Zylbersztajn não quis falar sobre eventual multa à Petrobras, alegando ser antes necessário estabelecer quais as responsabilidades da estatal no episódio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.