Outdoors de Fortaleza satirizam frase de Cid Gomes

Em meio à greve de professores da rede estadual, declaração do governador sobre colocar o amor na frente do retorno financeiro no serviço público virou alvo de campanha negativa

Carmen Pompeu, correspondente de O Estado de S.Paulo

06 Setembro 2011 | 15h25

FORTALEZA - Fortaleza foi tomada por outdoors satirizando uma frase dita pelo governador do Ceará, Cid Gomes (PSB) em meio à greve dos professores da rede estadual de ensino, que já dura mais de um mês. Na semana passada, Cid disse que quem desenvolve atividade pública deve colocar o amor pelo que faz na frente do retorno financeiro. "Quem entra em atividade pública deve entrar por amor, não por dinheiro", disse o governador. " Quem está atrás de riqueza, de dinheiro, deve procurar outro setor e não a vida pública", emendou.

Nos outdoors contra Cid lê-se: "Amor substitui salários - Cid doe o seu salário e trabalhe por amor". A tirada contra Cid Gomes aproveita a polêmica gerada por uma campanha publicitária de um colégio da rede particular da cidade, o Ari de Sá. O colégio espalhou outdoors com uma estudante levando tablets na mochila ao invés dos livros impressos em papel. "Tablet substitui livros" é o slogan da campanha, que mobilizou os cearenses nas redes sociais contrários à inovação pedagógica proposta pela escola.

 

O Sindicato dos Professores do Ceará (Apeoc) diz que o governo do Ceará não cumpre a Lei Federal do Piso e o plano de cargos e carreiras dos professores. A categoria quer a aplicação do piso para os profissionais de nível médio, graduados e pós-graduados. A Justiça decretou a ilegalidade da greve dos docentes e instituiu multa diária de R$ 10 mil. O presidente do Sindicato, Anízio Melo, disse que a categoria não volta ao trabalho e vai tentar negociação com o Governo do Estado. Segundo ele, os professores entraram com recurso junto ao Tribunal de Justiça do Estado.

 

Mais conteúdo sobre:
OUTDOORSFORTALEZACID GOMES

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.