Orçamento 2009 prevê salário mínimo de R$ 464,72

Desde 2000, valor já registrou valorização de 324%, considerando os números previstos para o próximo ano

Da Redação,

27 de agosto de 2008 | 18h45

A proposta de Orçamento para 2009, apresentada nesta quarta-feira, 27, pelo Ministério do Planejamento, prevê que o salário mínimo suba dos atuais R$ 415,00 para R$ 464,72. O valor já aplica a nova lei de reajuste para o salário mínimo, do porcentual somado da inflação do ano anterior mais a variação do PIB de dois anos antes.     Veja também: Governo prevê PIB menor e inflação na meta em 2009 Orçamento 2009 prevê R$ 119,1 bilhões em investimentos Entenda o que é fundo soberano Íntegra da proposta de Orçamento    O projeto de lei foi entregue ao presidente do Congresso, senador Garibaldi Alves (PMDB-RN) pelo ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, nesta quarta. Segundo o ministro, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva lhe recomendou que "convença" os congressistas de que o projeto de Orçamento Geral da União para 2009 "é bom".   O último reajuste do salário mínimo foi aplicado em março deste ano, quando ele passou a valer R$ 415,00, com aumento de 9,21%. Desde o ano 2000, o valor do salário já teve reajuste de 324%, considerando os valores previstos para o ano que vem.

Tudo o que sabemos sobre:
Salário MínimoOrçamento 2009

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.