Oposição tripudia sobre a crise no PSDB

Os comentários do senador Aloysio Nunes Ferreira (SP) sobre os problemas internos no PSDB geraram dezenas de manifestações pelo microblog twitter, na internet. A oposição tripudiou sobre a crise no PSDB.

JOÃO DOMINGOS, Agência Estado

30 de setembro de 2011 | 22h17

O ex-presidente do PT José Eduardo Dutra, que passou por um problema de saúde e parou de falar de política, concentrando-se em novelas e futebol, não se aguentou. Em tom de galhofa comentou: "Dar retwitter em briga de tucanos não tem preço". Ele republicou em sua páginas todas as manifestações do senador Aloysio.

A prefeita de Ribeirão Preto, Dárcy Vera (DEM), também não resistiu a uma provocação: "Aloysio Nunes diz que PSDB-SP ignora ele e o Serra. Imaginem então o que fazem comigo em Ribeirão".

O ex-ministro do Turismo Caio Carvalho, que é tucano, também entrou no debate. Em tom de reprovação, afirmou: "Triste verdade de um partido que ajudamos a montar", ao se referir às manifestações de Aloysio.

O twitter que usa o perfil de "Os amigos do Lula", provocou: "Alckmin expulsa Serra e Aloysio Nunes da propaganda tucana na TV". Acrescentou que a denúncia havia sido feita pelo próprio senador Aloysio Nunes. Um petista que se intitula "Saraiva 13" replicou: "Alckmin expulsa Serra e Aloysio Nunes da propaganda tucana na TV".

O petista Luiz Favre, ex-marido da senadora Marta Suplicy (PT-SP), também aderiu aos que partiram para a zombaria da crise dos tucanos. Disse que Aloysio expôs na internet o fogo amigo entre tucanos.

Mais conteúdo sobre:
PSDBcriseoposição

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.