Oposição pede abertura de processo contra Jader

O bloco de oposição no Senado, reunido hoje, decidiu encaminhar denúncia contra o presidente do Senado, Jader Barbalho (PMDB-PA), ao Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Casa, pedindo especificamente que seja feito o rastrea mento do cheque que, segundo denúncias, Barbalho teria recebido por conta da venda ilegal de Títulos da Dívida Agrária (TDAs). Segundo informou o líder do bloco de oposição, senador José Eduardo Dutra(PT-SE), o requerimento é baseado na nova lei de sigilo bancário, que dá prerrogativa ao plenário do Senado de solicitar a quebra do sigilo. Ao mesmo tempo, o bloco de oposição, em acordo com a bancada do PT na Câmara, dará início à coleta de assinaturas para criação de uma CPI mista do Congresso destinada a investigar denúncias de irregularidades que teriam sido cometidas pelo ex-ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência da República Eduardo Jorge; ajuda financeira aos Bancos Marka e FonteCindam e a venda ilegal de TDAs por Barbalho, quando ministro da Reforma Agrária. Segundo Dutra, esta é uma ofensiva da oposição para apurar as denúncias contra Barbalho e denúncias de corrupção de um modo geral.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.