Oposição diz que arquivar caso do painel seria haraquiri

O líder do bloco das oposições no Senado, José Eduardo Dutra (PT-SE), descartou hoje qualquer tentativa de abafar ou arquivar o caso de violação do painel eletrônico de votações que envolve os os senadores Antônio Carlos Magahães (PFL-BA) e José Roberto Arruda (PSDB-DF). "Acho impossível que isso ocorra. Seria sucidício coletivo ou araquiri coletivo", disse.Dutra defendeu a colega de partido Heloiza Helena da suspeita de que teria votado contra a cassação de Luiz Estevão. "Não há dúvidas sobre o voto de Heloiza Helena, ela foi vítima de uma ardilosa calúnia", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.