Oposição aproveita momento de debilidade de Lula, diz jornal

A seis meses das eleições presidenciais de outubro, a oposição política brasileira aproveita o momento de debilidade do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, diz uma reportagem publicada nesta sexta-feira pelo jornal espanhol El País. O jornal relata a intenção da oposição de pedir ao Congresso na próxima semana a abertura de um processo de impeachment ?por crime de responsabilidade?, por causa dos escândalos de corrupção que vêm envolvendo o governo.O jornal relata em outra reportagem a divulgação, na quinta-feira, do relatório da CPI dos Correios, que ?acusa de corrupção dois ex-ministros, mas exime o presidente de culpa?.O jornal britânico Financial Times também dedica uma reportagem ao tema em sua edição de sexta-feira, observando que, apesar da continuidade do escândalo, os mercados financeiros vêm se mantendo ?estáveis?.A reportagem observa que os mercados financeiros no Brasil se recuperaram rapidamente após as quedas observadas com a renúncia do ministro da Fazenda, Antonio Palocci, na segunda-feira.?Os corretores disseram que os investidores haviam sido tranqüilizados pelo sucessor de Palocci, Guido Mantega, que disse que manteria a austeridade fiscal e as metas monetárias?, diz a reportagem.Outro jornal britânico, The Daily Telegraph, também destaca a crise política brasileira em sua edição desta sexta-feira, mas chama o presidente Lula de ?primeiro-ministro?.?Uma série de escândalos aumentaram a pressão sobre o primeiro-ministro socialista do Brasil, que foi eleito com promessas de acabar com décadas de corrupção e má administração financeira?, diz a reportagem.Para o jornal, ?os escândalos são um novo embaraço para Lula, um homem antes elogiado por Tony Blair (o premiê britânico) como um exemplo de líder progressista em uma região freqüentemente instável?.O Daily Telegraph diz que Lula ainda é o favorito nas pesquisas para as eleições de outubro, mas que ?mesmo esquerdistas brasileiros dizem que não podem mais garantir seu apoio a um homem que abandonou os pobres em favor dos prósperos banqueiros, latifundiários e madeireiros?.

Agencia Estado,

31 de março de 2006 | 08h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.