Operação da PF detém quatro assentados no RS

Em uma ação para investigar suspeitas de furto de gado, a Polícia Federal deteve hoje quatro assentados em Herval, município na fronteira do Rio Grande do Sul com o Uruguai.

SANDRA HAHN, Agencia Estado

21 de janeiro de 2010 | 16h18

A PF e a Polícia Militar realizaram operação de busca e apreensão em nove lotes do assentamento Santa Alice, a partir de informações repassadas pelo Ministério Público e Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). O delegado Gabriel Figueiredo Cavalheiro Leite explicou que os assentados foram detidos por posse de arma sem registro, ouvidos e liberados mediante pagamento de fiança.

O furto de gado é um crime comum nas regiões de fronteira, disse o delegado. Ele contou que os policiais encontraram fora do assentamento, em uma estrada vicinal, um automóvel furtado no ano passado, abandonado provavelmente quando seus ocupantes viram a aproximação do comboio de policiais. Junto a ele os policiais identificaram quatro animais abatidos. Além de cinco armas, a operação - denominada Campo Limpo - apreendeu três motosserras sem licença no assentamento.

Tudo o que sabemos sobre:
PFRSfurtogadoprisão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.