Marcos Corrêa/Presidência
Marcos Corrêa/Presidência

Onyx apresentará metas para os primeiros 100 dias de governo Bolsonaro nesta quarta

Ministro responderá a seis perguntas por meio de um sorteio prévio entre jornalistas

Daniel Weterman e Tânia Monteiro, O Estado de S.Paulo

23 de janeiro de 2019 | 13h57

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, informou que fará na tarde desta quarta-feira, 23, uma apresentação das metas para os primeiros 100 dias de governo do presidente Jair Bolsonaro. O anúncio aconteceu 15 minutos depois da Presidência da República anunciar o cancelamento da coletiva do presidente Jair Bolsonaro e dos ministros Paulo Guedes, da Economia, e Sérgio Moro, da Justiça e Segurança Pública, na Suíça. De acordo com a assessoria da Casa Civil, Onyx vai responder a seis perguntas por meio de um sorteio prévio entre jornalistas. A apresentação está marcada para as 15h30.

O presidente está Davos, na Suíça, onde participa do Fórum Econômico Mundial. Ele não concederá entrevista coletiva que estava marcada para o início da tarde desta quarta. Primeiro, surgiu a informação de que o presidente não viria mais e que os ministros seriam encarregados de falar com os jornalistas. Depois, que a entrevista teria sido cancelada por completo. Além de  Moro Guedes, participaria da coletiva o  ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo.

Há rumores extraoficiais de que a coletiva foi suspensa porque o governo estaria insatisfeito com a cobertura da imprensa durante o Fórum. Ao anunciar o cancelamento, os organizadores do Fórum disseram que não saberiam informar os motivos que levaram à não realização da conferência e pediu aos jornalistas que obtivessem informação diretamente com o governo brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.