OMS anuncia 8.240 casos e 745 mortos por Sars

O balanço da OMS sobre os casos de pneumonia asiática em todo mundo coloca o Brasil na lista de países que registraram a doença. Segundo o balanço, em 31 países, foram registrados 8.240 casos da doença, entre os quais 745 mortos e 4.891 curados, segundo o último balanço publicado quarta-feira pela OMS.Segundo a contagem, efetuada até às 17:00 horas de 28 de maio, a Sars (sigla em inglês para Sindrome Respiratória Aguda e Severa) atingiu 5.323 pessoas na China continental, 325 das quais morreram, mais quatro que o balanço revelado terça-feira.Em Hong Kong, o número de casos eleva-se a 1.730, 270 dos quais mortais (mais um morto) enquanto em Taiwan a doença continua a progredir com 610 casos detectados, 81 dos quais provocaram a morte, mais cinco que no diaanterior.O balanço continua estacionário em Cingapura, onde a doença afetou 206 pessoas, 31 das quais morreram, ao passo que em Macau foram detectados dois casos não mortais.O mesmo balanço dá conta de 63 doentes no Vietnã, cinco dos quais morreram, e de oito na Tailândia, onde se egistraram duas mortes, tal como nas Filipinas e na Malásia, com 12 e cinco casos recenseados, respectivamente.Ainda na Ásia, a Mongólia registrou nove casos, a Indonésia dois, a Índia três, a Coréia do Sul três, mas nenhum deles mortal. Fora da Ásia, o Canadá continua a ser o país mais afetado pela pneumonia atípica, com 149 casos e 26 mortos.Pelo contrário, nos Estados Unidos não se registrou qualquer morte em 66 casos detectados.Na Europa, onde ainda não morreu qualquer pessoa vítima de pneumonia asiática, mas contam-se casos em Itália (nove), Alemanha (nove), França (sete), Reino Unido (quatro), Suécia (três) e Roménia, Suíça, Espanha, Irlanda,Finlândia, todos com um.No resto do Mundo foram assinalados seis casos na Austrália, um na Nova Zelândia, um na Colômbia e um no Kuwait, todos sem provocar mortos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.