Olívio Dutra inicia campanha para se defender contra ?infâmias?

O governador do Rio Grande do Sul, Olívio Dutra (PT), iniciou hoje, em São Paulo, uma ofensiva nacional para se defender das denúncias de corrupção contra seu governo. No início da tarde desta quinta-feira, Olívio reiterou estar sendo vítima "de infâmias que são frutos da limpeza que estamos fazendo na banda podre da polícia e no demonstre da contravenção". O nome do governador apareceu, durante investigação da CPI da Segurança Pública, instalada pelo Legislativo gaúcho, envolvido em negociações com bicheiros de Porto Alegre.Durante participação hoje no programa "Em Questão", da TV Gazeta, Olívio disse que está sendo vítima "de uma oposição incivilizada" e que as denúncias contra ele fazem parte da antecipação da campanha eleitoral do ano que vem. "Mas nós não temos nada a temer. Temos conduta e história para sair desse momento e ainda revigorado", afirmou.Durante o programa, o governador fez um apelo aos telespectadores para que continuem acreditando na ética e transparência da ação política que é, segundo ele, um patrimônio do PT. Olívio não quis falar aos jornalistas após o programa. Ele deve conceder, ao lado do presidente nacional do PT, José Dirceu, uma entrevista coletiva ainda na tarde de hoje, na sede do partido.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.