Oito envolvidos no caso das ambulâncias são levados para MT

Oito pessoas presas por envolvimento na máfia das ambulâncias superfaturadas foram transferidas ontem, à noite, de Brasília para Cuiabá, em Mato Grosso. Entre os acusados estavam os ex-deputados Ronivon Santiago e Carlos Rodrigues, além de assessores parlamentares e empresários ligados à Planam, empresa que centralizaria o esquema de compra fraudulenta de ambulâncias.Segundo o Bom Dia Brasil, da TV Globo, os oito presos foram levados num avião da Força Aérea Brasileira (FAB). Eles estão detidos na sede da Polícia Federal de Cuiabá. Até agora, já foram capturados 37 dos 48 suspeitos de participação no esquema de corrupção. Onze pessoas continuam foragidas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.