Oito candidatos analfabetos são reprovados em teste no Piauí

A Justiça Eleitoral do Piauí reprovou oito candidatos a vereador em dois municípios no teste de escolaridade. Ojuiz eleitoral, Lirton Nogueira, da comarca de Avelino Lopes, a 819 quilômetros ao sul de Teresina, realizou o teste com 60candidatos. Ele disse que não foi muito rigoroso, porque senão não teria candidatos nos municípios de Avelino Lopes e MorroCabeça no Tempo, no cerrado piauiense.O juiz alegou que a maioria dos candidatos não concluiu o ensino fundamental para apresentar diploma à Justiça Eleitoral. "Nósnos utilizamos do artigo 14 da Constituição Federal que exige o diploma do 1º grau ou teste de alfabetização. Assim, oanalfabeto pode votar, mas não pode ser votado. Como um vereador analfabeto apresentaria uma projeto de lei à CâmaraMunicipal?", questionou o magistrado.O teste de alfabetização nos dois municípios foi realizado por um professor da Universidade Estadual do Piauí, que também éserventuário da Justiça Eleitoral. "Eles fizeram um teste simples, que é ler e escrever uma frase simples. Se agíssemos comrigor, iríamos impedir a candidatura de quase todos os 60 candidatos", comentou o juiz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.