OAB propõe debate sobre financiamento de campanha

O presidente eleito da Ordem dos Advogados do Brasil, Marcus Vinicius Furtado Coelho, afirmou em Teresina que uma das primeiras propostas à frente da OAB, é uma rediscussão sobre o sistema de financiamento das campanhas eleitorais. "A OAB entende que as empresas não têm partido político. Esperamos que essa prática se torne inconstitucional e seja estímulo para que o Congresso Nacional inicie uma reforma política", declarou Marcos Vinícius.

LUCIANO COELHO, Agência Estado

25 de fevereiro de 2013 | 17h14

O advogado Marcos Vinícius foi eleito presidente da Ordem e a posse solene está marcada para o dia 12 de março, em Brasília. Durante solenidade na OAB/PI, Marcus Vinicius disse que pretende voltar a Ordem para uma maior atenção aos advogados, mas sempre à disposição das grandes causas do País.

Marcus Vinícius criticou o preconceito contra nordestinos. "O preconceito ainda existe em muitos lugares, principalmente quando se vem do nordeste como eu. Mas o sertanejo nordestino tem essa força. Queremos demonstrar ao Brasil que os advogados do Piauí, que a sociedade piauiense, podem representar muito bem o País. Os nordestinos podem contribuir com a mudança do País", pontuou o presidente nacional da OAB.

Tudo o que sabemos sobre:
OABpresidentecampanhas políticas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.