OAB promete mobilização contra MPs

"O País está precisando de um panelaço contra as MPs", afirmou hoje o presidente do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Rubens Approbato Machado, ao anunciar que, se o Congresso não tomar providências contra a prerrogativa do presidente da República de legislar por medidas provisórias, vai ganhar as ruas para protestar, cumprindo uma das promessas da campanha que o levou à presidência da OAB, no início deste mês.Segundo um boletim informativo distribuído pela Gerência de Comunicação Social da Ordem, o anúncio foi feito por Approbato ao presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Paulo Costa Leite, com quem se reuniu. No encontro, segundo o informativo, Approbato informou que a campanha vai mobilizar as 27 seccionais da OAB e envolver outras entidades da sociedade civil, e a própria população. O presidente da OAB, no entanto, ainda manifestou sua confiança no Congresso para disciplinar a edição de MPs, lembrando que, na semana passada, o presidente da Câmara, deputado Michel Temer (PMDB-SP), assumiu, na sede da OAB, o compromisso de colocar a matéria em votação no plenário daquela casa do Congresso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.