OAB de Alagoas quer impugnar 5 candidatos

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Alagoas, Omar Coêlho de Mello, enviou ofício à procuradora regional eleitoral, Niedja Kaspary, recomendando o pedido de impugnação do registro de cinco candidatos a prefeito no interior de Alagoas, nas cidades de Porto de Pedras, São Luiz do Quitunde, Paripueira e Palmeira dos Índios. Para o presidente da OAB alagoana, os acusados registraram candidaturas para o terceiro e quarto mandatos, o que é proibido pela legislação eleitoral. Como forma de driblar a legislação, os candidatos mudaram o domicílio eleitoral, deixaram suas cidades e se candidataram em outros municípios. Coêlho destaca que os candidatos não têm raízes nas cidades.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.