OAB cobra punição aos corruptos

O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil cobrou os Poderes Legislativo e Executivo a exercerem poder de polícia para punir seus integrantes envolvidos em denúncias de corrupção "evitando-se, assim, o estímulo às transgressões pela certeza da impunidade".Em nota distribuída há pouco, o Conselho Federal da OAB também exorta o Ministério Público "a evitar que seus agentes se tornem personagens em cena" - referindo-se ao episódio da gravação da conversa do senador Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA) com procuradores - mas que exerça "com rigor e independência" suas funções constitucionais de fiscal da lei.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.