Novo protesto bloqueia a ponte da Amizade

Os brasileiros que trabalham no Paraguai estão sendo impedidos de cruzar a fronteira pelo terceiro dia consecutivo por causa de um novo protesto na Ponte da Amizade, em Foz do Iguaçu. Por volta das 6 horas, manifestantes bloquearam a ponte, não permitindo a passagem de veículos. O protesto é contra as medidas adotadas pelo governo do Paraguai, que decidiu exigir o documento de imigração dos quase cinco mil brasileiros que trabalham nas lojas em Ciudad del Este. Fiscais estão percorrendo os estabelecimentos comerciais e expulsando os brasileiros que não estão regularizados. Desta vez, os manifestantes garantem que vão manter o fechamento da ponte por tempo indeterminado até que as autoridades dos dois países resolvam o problema. O ministro paraguaio do trabalho já está no Brasil integrando uma comissão que vai hoje a Brasília para tentar colocar fim ao impasse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.