Novo campo do pré-sal pode ter de 3,7 a 15 bilhões de barris, diz ANP

Segundo agência, volume poderia superar atuais reservas brasileiras.

BBC Brasil, BBC

29 de outubro de 2010 | 15h12

Libra pode superar atuais reservas provadas brasileiras, diz ANP

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) anunciou nesta sexta-feira que o volume de petróleo recuperávelno reservatório de Libra - que fica no pré-sal da Bacia de Santos - pode variar entre 3,7 bilhões e 15 bilhões de barris.

Segundo comunicado divulgado pela ANP, a estimativa mais provável é de que a reserva seja de 7,9 bilhões de barris, de acordo com avaliação da certificadora Gaffney, Cline & Associates.

A ANP afirma que somente as reservas de Libra podem vir a ter volume de óleo recuperável superior às atuais reservas brasileiras, que são de cerca de 14 bilhões de barris.

Até agora, o maior campo de petróleo conhecido do pré-sal era o reservatório de Tupi, cujo volume de óleo estimado é de entre 5 e 8 bilhões de barris.

"Esta descoberta, situada no 'gigantesco prospecto Libra', conforme expresso no relatório da certificadora, valoriza enormemente o patrimônio da União", diz o comunicado da ANP.

O poço situa-se a 183 km da costa do Rio de Janeiro. Até o momento, a profundidade atingida no poço em Libra é de 5.410 metros, com 22 metros perfurados no pré-sal.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.