Novo balanço mostrará andamento do PAC

O Planalto prepara para o dia 30 o quinto balanço do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Apesar de ser apresentado como vitrine da gestão Lula, o PAC tem enfrentado críticas dentro do próprio governo. Não sem motivo: avaliações internas indicam que o cronograma não vem sendo cumprido, o ritmo das obras é lento e há pendências ambientais e no Tribunal de Contas da União. Além disso, há disputas entre empresas que querem tocar as obras. A chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, "mãe do PAC", cobrou da equipe a rápida solução dos problemas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.