Nove capitais têm prefeitos definidos em primeiro turno

No Rio de Janeiro, Eduardo Paes recebeu 64,60% dos votos, e no Recife, Geraldo Julio ganhou com 52,72%

Priscila Trindade e Luciano Bottini Filho, de O Estado de S. Paulo,

07 de outubro de 2012 | 22h45

SÃO PAULO - Das 26 capitais, nove decidiram a eleição para prefeito em primeiro turno. São elas: Rio de Janeiro (RJ), Aracaju (SE), Recife (PE), Porto Alegre (RS), Belo Horizonte (MG), Goiânia (GO), Maceió (AL), Palmas (TO) e Boa Vista (RR) - as duas últimas não têm segundo turno por terem menos de 200 mil eleitores. O restante só terá o prefeito definido em 28 de outubro.

No Rio, Eduardo Paes (PMDB) recebeu mais de 2,97 milhões de votos e foi reeleito no 1º turno com 64,60% dos votos. Em Aracaju, João Alves (DEM) ganhou com 52,72% dos votos. Em Recife, Geraldo Julio (PSB) recebeu 51,15% dos votos. Fortunati (PDT) recebeu 65,22% e vai comandar a Prefeitura de Porto Alegre. Em Belo Horizonte, os eleitores escolheram Marcio Lacerda (PSB). Ele obteve 52,69% dos votos.

No município de Goiânia, Paulo Garcia (PT) foi eleito no 1º turno com 57,68%. Em Maceió, Rui Palmeira (PSDB) tinha 57,36% dos votos até as 20h40, quando 96,58% das urnas tinham sido apuradas. Em Palmas Carlos Amastha (PP) recebeu 49,65% dos votos, enquanto Teresa Surita (PMDB) foi eleita em Boa Vista com 39,26%.

Entre as capitais que terão segundo turno, São Paulo terá a disputa entre José Serra (PSDB) e Fernando Haddad (PT) - com 30,76% e 29% dos votos, respectivamente até as 20h36.

Das capitais com 100% das urnas apuradas, Curitiba definiu que o segundo turno será com Ratinho Junior (PSC), 34,09% dos votos, e Gustavo Fruet (PDT), 27,22%. Também haverá uma segunda rodada de votações em Vitória, onde o primeiro lugar, Luciano Rezende (PPS), 39,14% dos votos, irá concorrer com Luiz Paulo (PSDB), 36,69%.

Em São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PTC) teve 36,44% dos votos e irá para o segundo turno com Castelo (PSDB), 30,60%. A decisão para prefeito em Fortaleza ficará entre Elmano (PT), com 25,44% dos votos, e Roberto Claudio (PSB), 23,32. Em João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT), 38,32% e Cicero Lucena (PSDB), 20,27%, estarão no segundo turno. O mesmo irá ocorre em Florianópolis, entre Cesar Souza Júnior (PSD), 31,68% dos votos, e Gean Loureiro (PMDB), 27,37%.

Em Natal, continuam nas eleições os candidatos a prefeito Carlos Eduardo (PDT), 40,42% dos eleitores, e Hermano Moraes (PMDB), 23,01%. Macapá fechou o primeiro turno com Roberto (PDT) na liderança, 40,18% dos votos, e em segundo Clécio (PSOL), 27,89%, que irão se enfrentar de novo. A disputa para Prefeitura de Manaus continua entre Artur Neto (PSDB), que conseguiu 40,55% dos votos, e Vanessa Grazziotin (PC do B), com 19,95%.

As cidades que matematicamente foram para o segundo turno são: Teresina (PI), que com 99,22%, tem Firmino Filho (PSDB) com 38,75% e Elmano Férrer (PTB) com 33,21%; Rio Branco (AC), com 91,72% das urnas apuradas, tem Marcus Alexandre (PT) com 48,32% e Tião Bocalom (PSDB) com 43,74%; Salvador (BA), com 98,16% de apuração concluída, tem ACM Neto (DEM) com 40,32% e Pelegrino (PT) com 39,59%; Porto Velho apurou 98,62% dos votos e Lindomar Garçon (PV), com 24,76%, estava a frente de Dr. Mauro Nazif (PSB) com 19%; Campo Grande (MS), com 99,93% das urnas apuradas, tem Alcides Bernal (PP) com 40,17% e Giroto (PMDB)com 27,99%; e Cuiabá (MT), onde, com 99,81% das urnas apuradas, Mauro Mendes (PSB) tinha 43,98% e Lúdio (PT), 42,23%.

Tudo o que sabemos sobre:
eleições 2012prefeitura1ª turno

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.