Nomeados membros da CPI da CDHU

A Assembleia Legislativa de São Paulo nomeou ontem os nove deputados que vão compor a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) responsável por investigar a suspeita de fraude em licitações para construção de casas populares pelo governo paulista. A base governista é maioria, com sete dos nove integrantes. Os deputados têm inicialmente 120 dias para a apuração. O caso foi denunciado em meados de 2007 após uma investigação do Ministério Público Estadual em obras da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) no interior do Estado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.