Nome para vice de Campos não foi discutido, diz Marina

Ex-ministra afirma que apoio ao PPS não foi condicionado a ocupar espaço dentro da chapa

Laís Alegretti - O Estado de S. Paulo,

15 Dezembro 2013 | 13h37

A ex-ministra Marina Silva afirmou que o nome para vice da esperada candidatura de Eduardo Campos (PSB) não foi discutido e que o apoio da Rede não depende de espaço na chapa do pernambucano em 2014. "Fica Campos como presidente. Essa história de vice ninguém discutiu", afirmou a jornalistas. "Quando conversei com o PSB, em momento algum o apoio foi condicionado a ocupar espaço dentro da chapa", afirmou, em referência à união da Rede Sustentabilidade ao partido de Campos.

Questionada se o presidente nacional do PPS, deputado Roberto Freire (SP), seria um bom nome para vice de Campos, Marina respondeu que não quer antecipar a discussão. Freire vai se reunir com Campos amanhã para firmar o apoio do PPS em 2014 ao governador de Pernambuco. "As lideranças do PPS estarão discutindo tanto quanto as lideranças da Rede e do PSB qual será a melhor construção para darmos a melhor contribuição para o País", afirmou.

"As pessoas querem que a gente esteja sempre colocando a carroça diante dos bois. Mas queremos que as coisas tenham curso natural", afirmou Marina, em coletiva à imprensa ao lado de Campos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.