Nobel de Física vai para dois americanos e um russo

A Real Academia de Ciências da Suécia atribuiu hoje o prêmio Nobel de Física a dois norte-americanos e um russo, por suas teorias sobre o conmportamento da matéria quando submetida a temperaturas extremamente baixas. Alexei A. Abrikosov tem dupla nacionalidade, russa e norte-americana. Nasceu em 1928 e vive atualmente nos EUA. Vitaly L. Ginzburg é russo, nascido em 1916 e dirige o grupo de teoria do Instituto de Física P.N. Lebedev de Moscou. Já Anthony J. Leggett, nascido em 1938, tem também dupla nacionalidade, norte-americana e britânica. Ele é diplomado em Oxford e professor da Universidade de Illinois (EUA).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.