Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

No Senado, CCJ suspende sabatina de Teori Zavascki

O presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), suspendeu na tarde desta terça a reunião em que sabatina o ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Teori Zavascki, indicado pela presidente Dilma Rousseff para compor o Supremo Tribunal Federal (STF). Eunício disse que cumpria a previsão do regimento interno do Senado segundo o qual, com o início da sessão de votação em plenário, os trabalhos das comissões temáticas da Casa têm de ser obrigatoriamente encerrados.

RICARDO BRITO, Agência Estado

25 de setembro de 2012 | 16h49

Eunício disse que a retomada da sabatina ainda nesta terça dependerá do ritmo de votação do plenário, que tem de analisar a polêmica medida provisória do Código Florestal.

No rápido tempo que esteve disponível para os questionamentos, Teori Zavascki não quis responder às perguntas sobre se vai participar do julgamento do processo do mensalão. No entender de Zavascki, se ele comentar se votará na ação penal do mensalão estaria automaticamente impedido. "Eu vou pedir licença para me escusar de responder", afirmou. Na sua fala, o ministro ressaltou que esse questionamento tem lhe deixado "muito desconfortável".

Tudo o que sabemos sobre:
CCJSenadosabatinaZavasckisuspensão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.