Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

No primeiro ano da morte, homenagens simples a Mário Covas

As homenagens ao ex-governador Mário Covas, hoje, dia em que se completa um ano de sua morte, serão extremamente simples. A pedido da família, haverá uma missa à noite na igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no Jardim Paulistano. Outra cerimônia será celebrada em Santos, terra natal do governador.O presidente da Fundação Mário Covas, Osvaldo Martins, que foi secretário de comunicação do governador, irá com um grupo ao Cemitério do Paquetá, em Santos, para depositar flores no túmulo de Covas. Outro grupo, com cerca de 20 pessoas, organizado pelo presidente estadual do PSDB, Edson Aparecido, também vai a Santos prestar homenagem ao governador. O partido pediu a todos os vereadores tucanos para que em seus discursos relembrem a vida de Covas. Missas também serão realizadas nas cidades em que os prefeitos são do PSDB.Martins disse que, no mês que vem, a Fundação fará a semana Mário Covas, entre 15 de abril e 21 de abril, data em que o tucano completaria 72 anos de idade. "Será uma semana de muita festa para celebrar a obra de Mário Covas". Às 22 horas, a Rede Cultura exibe ao vivo o ?Opinião Nacional? em homenagem a Covas. O programa de meia hora, apresentado por Dirceu Brizola, vai entrevistar o presidente nacional do partido, deputado José Aníbal, e também Martins, que apresentará a Fundação. O programa vai relembrar a trajetória política e a vida do governador. Clique aqui para ver o especial Mário Covas, o homem que reergueu São Paulo

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.