No Paraná, prefeito ganha eleição por 10 votos

No Paraná, prefeito ganha eleição por 10 votos

Nas três eleições para prefeitos realizadas ontem no Paraná, a mais apertada foi a de Ângulo, no noroeste do Estado, onde o presidente da Câmara e prefeito interino, Moisés Gomes da Silva (PP), venceu a disputa contra Antonio Romano (PDT) pela diferença de 10 votos. O vencedor recebeu 1.049 votos.

EVANDRO FADEL, Agência Estado

12 de abril de 2010 | 15h43

Houve 31 votos nulos e 25 brancos. Os prefeitos eleitos em 2008 nos três municípios tiveram os mandatos cassados por acusação de abuso do poder econômico.

Em Enéas Marques, no sudoeste do Estado, Valmor Vanderlinde (PP) tinha perdido as eleições em 2008 por apenas quatro votos para Hélio Parzianello. Agora retornou à disputa e conseguiu vencer o filho de Hélio, Maikon Parzianello (PSDB), com 2.129 votos contra 2.003 do opositor.

Já em Doutor Ulysses, no leste paranaense, o presidente da Câmara e prefeito interino, Josiel do Carmo dos Santos (PR), recebeu 2.058 votos contra 1.814 dados a José Luiz da Silva (PSDB).

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçõesParanáprefeitos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.