No AM, secretários são acusados de fraude

A Polícia Civil do Amazonas realizou ontem 13 mandados de prisão e 14 de busca e apreensão em Manaus e Boa Vista do Ramos, a 270 Km da capital. Foi presa quadrilha integrada por secretários de Boa Vista do Ramos, acusada de fraudar licitações e desviar verbas da prefeitura. Segundo a polícia, o esquema envolvia funcionários municipais, liderados pelos secretários de Finanças, Administração e Educação. Os acusados não quiseram dar declarações sobre as denúncias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.