Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

No 1º dia fora do Senado, Marina Silva diz que se dedicará à educação e à sutentabilidade

Depois de 16 anos na Casa, a ex-seringueira, que disputou a Presidência da República no ano passado, também já deixou claro que não pretende dar folga para o governo

Roldão Arruda, de O Estado de S.Paulo,

01 de fevereiro de 2011 | 19h03

SÃO PAULO - No seu primeiro dia sem mandato, após 16 anos no Senado, Marina Silva mandou um recado pelo Twitter sobre o que irá fazer daqui para a frente. "Vou me dedicar à educação e à mobilização para e pela sustentabilidade", escreveu.

 

Esses foram os principais temas de sua campanha para a Presidência da República, no ano passado, quando, à frente do PV, partido pequeno e inexpressivo, conquistou surpreendentes 20 milhões de votos, ficando na terceira posição, atrás, de Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB). E é com eles que ela vai tentar se manter em evidência no cenário político nos próximos anos.

 

Na saída do Senado, Marina também já deixou claro que não pretende dar folga para o governo. Nesta terça-feira, 1, em seu blog, postou um artigo sobre a questão do licenciamento ambiental da hidrelétrica de Belo Monte, no Pará, no qual disse que até agora o governo não esclareceu suficientemente a sociedade sobre o tema. Na opinião de Marina, a licença parcial concedida recentemente pelo Ibama para a obra "aumenta a percepção de estar ocorrendo um açodamento político injustificável e pouco transparente".

 

Dias atrás, em entrevista para a repórter Daiane Cardoso, da Agência Estado, Marina contou que pretende viajar para o exterior, a convites de universidades, para dar palestras, pelas quais será remunerada. Internamente, se dedicará ao trabalho de reestruturação e fortalecimento do PV e à montagem do Instituto Marina Silva.

 

Com seu afastamento do Senado, a ex-seringueira e ex-militante do PT também mudou o seu breve perfil na internet, que ficou assim: "Sou professora de história. Fui candidata à Presidência da República pelo PV em 2010, ministra do Meio Ambiente(2003-2008) e senadora pelo Acre, de (1995-2011)."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.