Nicolau prestará depoimento às 13h

O juiz aposentado Nicolau dos Santos Neto prestará depoimento hoje, às 13 horas, à juíza federal da 6ª Vara Criminal de São Paulo, Luciana Ortiz Tavares Costa Zanoni, no processo que responde por sonegação fiscal. A Polícia Federal deverá mobilizar 50 agentes federais e 50 policiais militares para fazer a segurança de Nicolau durante o trajeto até o Fórum Criminal Federal, na Praça da República, onde o juiz prestará depoimento. Os advogados de Nicolau pediam a suspensão do interrogatório marcado para esta terça-feira. Mas o presidente do Superior Tribunal de Justiça, Paulo Costa Leite, negou nesta manhã o pedido de habeas-corpus. A defesa do ex-presidente do Tribunal Regional do Trabalho sustentava que a ação teria de tramitar na 1ª Vara Criminal, por ter sido a primeira a receber outros dois processos envolvendo o magistrado. No dia 15 de janeiro, a juíza da 6ª Vara determinou uma nova prisão preventiva de Nicolau pelo crime de sonegação fiscal. O processo tem base em autuação de R$ 11,04 milhões que a Receita Federal impôs a Nicolau em junho, por sonegação e omissão de rendimentos provenientes de depósitos bancários no País e no exterior. Nicolau já está respondendo pelos crimes de estelionato contra entidade de direito público, formação de quadrilha, peculato, corrupção ativa, falsidade ideológica e uso de documento falso. Neste processo também são réus os empresários Fábio Monteiro de Barros Filho e José Eduardo Teixeira Ferraz; e o senador cassado Luiz Estevão de Oliveira. O juiz aposentado está preso desde o dia 8 de dezembro do ano passado na Casa de Custódia da Polícia Federal em Higienópolis.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.