Nicolau pode perder aposentadoria

O Ministério Público Federal e a Advocacia-Geral da União (AGU) pediram ontem à Justiça Federal concessão de tutela antecipada (espécie de liminar) para que seja decretada a imediata suspensão do pagamento da aposentadoria do juiz Nicolau dos Santos Neto, preso há dois meses sob acusação de desvio de R$ 196,7 milhões das obras do Fórum Trabalhista de São Paulo. A aposentadoria do magistrado está bloqueada desde outubro, mas por força de decisão administrativa do Tribunal Regional do Trabalho. A AGU avalia que a medida ?tem caráter precário e pode ser derrubada a qualquer momento?. Os advogados de Nicolau já entraram com mandado de segurança contra o ato do TRT, mas não ganharam liminar.Leia Mais

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.