Nascimento pede para TCU comunicar irreguridades em obras

O ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, pediu ao ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), Augusto Nardes, encarregado no Tribunal do setor rodoviário, para ser notificado imediatamente sobre qualquer irregularidade que o Tribunal venha a encontrar nas obras da operação tapa-buraco. "Pedi para ser informado de imediato, para poder corrigir os problemas. Quero fazer tudo corretamente", disse Nascimento, depois de deixar o gabinete de Nardes.O ministro do TCU, por sua vez, concordou em transmitir as informações para o ministro, mas ressaltou que ele próprio não recebe de imediato todas as informações dos técnicos. "O TCU está disposto a colaborar!", disse Nardes.A reunião de Nascimento com Nardes foi depois da divulgação, pela imprensa, de problemas nas obras, verificadas pelas equipes do Tribunal. "Não dá para eu tomar conhecimento pela imprensa de que os técnicos do Tribunal visitaram uma obra e identificaram problemas. O ideal, para mim, é ser avisado o quanto antes, para mandar corrigir", afirmou Nascimento.Nos últimos dias o tribunal identificou problemas na qualidade das obras realizadas em alguns trechos e também na fiscalização dos serviços. Assim como já havia dito ontem, Nascimento reforçou que ele próprio já encontrou defeitos nas visitas que realizou às obras. Ele também reafirmou que o governo não vai pagar por obras que não foram feitas corretamente e que as empresas contratadas terão de refazer aquilo que estiver fora dos padrões técnicos.Nascimento estava acompanhado de alguns parlamentares do seu partido, o PL; Entre eles o deputado Sandro Mabel (GO) e do senador João Ribeiro (TO)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.