Nas redes sociais, aliados e opositores falam de grampo em Lula e Dilma

Conversas entre presidente e ex-presidente foram divulgadas pela Lava Jato

O Estado de S. Paulo

17 de março de 2016 | 00h40

O vazamento do grampo no telefone de Lula pela Operação Lava Jato após o ex-presidente aceitar o cargo de ministro da Casa Civil nesta quarta-feira não causou comoção somente entre os eleitores. Pelas redes sociais, políticos da situação e também da oposição expressaram seus pontos de vistas a fim de influenciar seus seguidores sobre a situação do governo Dilma.

Além de pareceres, alguns, como os petistas Humberto Costa e Paulo Rocha confirmaram presença na cerimônia de posse de Lula, às 10h desta quinta-feira. Veja alguns tweets:

 

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
Luiz Inácio Lula da Silva

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.