Música sobre mensalão é proibida em Cuiabá

A juíza da 37.ª Zona Eleitoral de Cuiabá (MT), Adair Julieta da Silva, proibiu que a coligação do candidato Mauro Mendes (PSB) veicule música em carros de som com referências aos escândalos da Land Rover (aquisição de dez Land Rovers equipadas com tecnologia russa para o monitoramento da fronteira, pela Secretaria Extraordinária da Copa 2014) e do mensalão, processo em julgamento no STF, que ofendem a honra do candidato Lúdio Cabral (PT). A juíza fixou multa diária de R$ 5 mil em caso de descumprimento. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

FÁTIMA LESSA, Agência Estado

17 de outubro de 2012 | 10h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.