Multa por trabalho escravo é revertida

A Justiça de Mato Grosso tem usado penas alternativas para reverter as multas cobradas de empresários que exploram trabalho escravo. Até há alguns anos, as multas eram enviadas ao Fundo de Amparo ao Trabalhador. Hoje, os benefícios são revertidos às comunidades atingidas pelos casos de trabalho escravo. Em 2005, a Justiça do Trabalho reverteu em benefício da comunidade R$ 800 mil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.