Múcio admite atrasos na liberação de emendas de bancadas

Ele ressaltou, no entanto, que o compromisso do governo de liberar as emendas individuais será cumprido

Adriana Fernandes, da Agência Estado

19 de novembro de 2008 | 14h24

O ministro de Relações Institucionais, José Múcio Monteiro, admitiu que o governo está tendo dificuldade de liberar as emendas de bancada dos parlamentares no orçamento deste ano. Ele ressaltou, no entanto, que o compromisso do governo de liberar as emendas individuais será cumprido. Segundo ele desde o início do ano as emendas individuais estão sendo liberadas, mas disse que devido ao fato de 2008 ter sido um ano eleitoral, houve um atraso de liberação de três ou quatro meses ." Vamos conseguir chegar ao final do ano com tudo resolvido", afirmou. Ele disse que está pedindo aos deputados para que apresentem seus projetos e informou que a liberação das emendas está mais atrasada nas áreas de saúde e educação. E se comprometeu: "vai haver celeridade."

Tudo o que sabemos sobre:
Bancadasemendas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.