MST tem 48 horas para sair de fazenda no RS

Os sem-terra terão 48 horas para desocupar a Agropecuária Santa Bárbara, em São Jerônimo (RS), invadida na madrugada de terça-feira por 1,5 mil famílias. A ordem judicial de reintegração de posse da segunda fazenda do Rio Grande do Sul invadida, em Júlio de Castilhos (RS), não concedeu prazo, mas a requisição de uso de força policial está no Tribunal de Justiça. Hoje pela manhã os representantes dos fazendeiros se reuniram com o governador Olívio Dutra para discutir o cumprimento das decisões judiciais. O governo deverá ir aos locais invadidos para tentar negociar com o MST. Alguns líderes do movimento não descartam novas ocupações, embora dez dos doze acampamentos do MST no Estado já tenham sido mobilizados para as duas fazendas.

Agencia Estado,

28 de março de 2001 | 12h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.