MST resiste a deixar fazenda em Ribeirão

A Justiça de Ribeirão Preto deu liminar aos donos da Fazenda São João, determinando a manutenção de posse da área. Dois oficiais de Justiça foram ao local, anteontem, comunicar a decisão, mas as 150 famílias ligadas ao Movimento dos Sem-Terra não deixaram o local. O MST disse que vai recorrer da decisão. Não foi dado prazo para os invasores saírem da área, ocupada em 24 de julho. A São João fica ao lado da Fazenda da Barra, já desapropriada para a reforma agrária.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.