MST reivindica terras de prefeita em Pernambuco

O Movimento dos Sem-Terra (MST) está reivindicando duas propriedades da prefeita Fernanda Paes (ex-PSB, prestes a ingressar no PT), de Glória de Goitá, na zona da mata pernambucana.Para pressionar a vistoria das duas áreas ? fazendas Canavieiras e Jaboticabal - que têm juntas cerca de 2 mil hectares, 100 famílias de agricultores sem terra ocuparam nesta segunda-feira uma fazenda próxima, na PE-60, naquele município.O dirigente regional do movimento, Reginaldo Martins da Silva, afirmou que as terras da prefeita são improdutivas e que, antes da ocupação, o MST já havia pedido vistoria ao Incra. Segundo ele, a ocupação ? a décima-sexta realizada no Estado neste ano - estava programada desde março. ?Estamos fazendo levantamento em outras terras dela, para verificar a improdutividade e reivindicar?, adiantou. ?Para que uma pessoa com tanta terra? Vamos distribuir.?O filho da prefeita, secretário de Obras Públicas da Prefeitura do Recife, Djalma Paes (PT), confirmou que as fazendas pertencem a sua mãe, mas negou que fossem improdutivas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.