MST ocupa fazenda em Mangaratiba, no Rio

Cerca de 300 famílias do Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra (MST) invadiram a fazenda Santa Justina, às margens da BR-101 (Rio-Santos), no município de Mangaratiba, no litoral sul do Estado do Rio de Janeiro. A Polícia Militar está no local, mas, apesar do clima tenso, nenhum confronto foi registrado desde ontem à noite, quando a propriedade foi ocupada. Há a informação de que o dono da fazenda, Isomar Victor de Souza Breves, já entrou com uma ação de reitegração de posse. Segundo o integrante do MST, Cláudio Amaro, até agora os produtores não receberam qualquer comunicado oficial para desocupar a área, que tem mil hectares.De acordo com o representante do MST, a fazenda Santa Justina está improdutiva há muitos anos. Em 1985, o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) iniciou o processo de desapropriação. Como o proprietário entrou com recurso, o processo ficou paralisado até 2002. O MST acusa o fazendeiro de estar loteando a área para erguer no local um empreendimento imobiliário.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.