MST ocupa dois andares do prédio do Incra no RJ

Cerca de 300 militantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) ocuparam nesta segunda dois andares da superintendência regional Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), no Centro do Rio. A manifestação faz parte da Jornada Nacional de Lutas pela Reforma Agrária, que ocorre no mês de abril.

CLARISSA THOMÉ, Agência Estado

16 de abril de 2012 | 18h39

As famílias, acompanhadas de crianças, chegaram ao edifício por volta das 9 horas. De forma pacífica, com cobertores e bolsas de viagem, ocuparam corredores e acamparam em frente ao prédio. De acordo com a organização do movimento, os manifestantes levaram comida para pelo menos dois dias de ocupação.

Uma comissão se reuniu com a superintendência do Incra. "A reforma agrária no País está parada. No Rio de Janeiro, há cinco anos não há assentamento de nenhuma família ligada ao MST", afirmou Amanda Matheus, integrante da coordenação do MST. O cálculo é de que 1.600 famílias estejam esperando assentamento no Rio.

Tudo o que sabemos sobre:
MSTAbril VermelhoRio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.