MST invade prefeituras na BA para cobrar melhorias em escolas

Manifestantes pressionam administrações a construir escolas nos assentamentos e a fornecer transporte aos alunos que tiverem de se deslocar para estudar

Tiago Décimo, de O Estado de S.Paulo,

10 de janeiro de 2011 | 15h30

SALVADOR - Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST) invadiram, na manhã desta segunda-feira, 10, quatro prefeituras do sul da Bahia - Itabela, Itamaraju, Mucuri e Prado - para reivindicar melhorias nas condições de estudo doe crianças e adolescentes que moram nos assentamentos da região.

 

Segundo a liderança do movimento, organizado pela Regional Extremo Sul do MST da Bahia, os manifestantes pressionam as administrações municipais a construir escolas nos assentamentos e a fornecer transporte aos alunos que tiverem de se deslocar para estudar. Além disso, reivindicam a contratação de mais professores para a rede pública na região. As invasões só devem ser concluídas depois de os prefeitos receberem as lideranças do MST.

Tudo o que sabemos sobre:
MSTescolarcobrançainvasão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.