MST invade fazenda no Vale do Rio Doce

Cerca de 140 famílias de trabalhadores rurais ligados ao Movimento dos Sem-Terra (MST) invadiram no último fim de semana a Fazenda Margarida, no município mineiro de Itambacuri, no Vale do Rio Doce. Segundo informações da direção estadual e da coordenação regional do MST, um grupo de 280 famílias que estava acampado desde a primeira quinzena de abril na Fazenda Aranã decidiu no sábado ocupar a propriedade vizinha."Estamos pensando na possibilidade de acampar mais famílias lá. É bem provável que isso aconteça", disse o líder dos sem-terra na região, Lucimar Enídio Pereira, de 29 anos. Segundo ele, as fazendas ocupadas pertencem aos irmãos Jader Werner e Jarbas Messias Ferreira.Pereira diz que as propriedades possuem cerca de 800 alqueires e são improdutivas. "Elas não são nem improdutivas. Elas estão abandonadas", afirmou. De acordo com a Polícia Militar de Teófilo Otoni, a ocupação foi pacífica. A PM de Itambacuri registrou ocorrência nesta terça-feira, mas não soube informar se os proprietários entraram com o pedido de reintegração de posse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.