MST invade fazenda em Pernambuco

Um dia depois de o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, dizer que ?a reforma agrária não será feita na marra?, integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) em Pernambuco, invadiram mais uma propriedade rural no interior do Estado. Desde o início da jornada nacional de ocupações, iniciada no último dia 27, o número de propriedades ocupadas em Pernambuco já chega a 15, com a participação de mais de quatro mil famílias. Na manhã deste sábado, um grupo formado por cerca de 430 famíliasligadas ao MST ocupou a Fazenda DAN, localizada no município dePetrolina, no Sertão pernambucano. Os coordenadores estaduais domovimento afirmam que a propriedade, de 1.200 hectares, não produzdesde 2000. Oficiais do Batalhão de Polícia de Petrolina confirmaram o envio de efetivo para o local, mas descartaram a realização imediata de qualquer ação de desocupação. Pernambuco é o estado recordista em ocupações neste ano. O coordenador estadual do movimento, Jaime Amorim, avalia o fato como ?natural?. ?Pernambuco é a terra das ligas camponesas e do presidente Lula. Mais do que em qualquer outro lugar, temos que mostrar que os problemas no campo continuam vivos e causando um imenso sofrimento. Vamos continuar ocupando?, disse Amorim. A jornada de ocupações segue até o próximo dia 17.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.