Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

MST fecha rodovia em Tremembé por mais segurança

Um grupo formado por vinte famílias ligadas ao MST realizou nesta segunda-feira um protesto na rodovia Francisco Alves Monteiro, entre Tremembé e Pindamonhangaba, no Vale do Paraíba. Segundo os manifestantes, o protesto foi por maior segurança na rodovia. Por volta das 10 horas, os sem-terra queimaram pneus e fecharam uma das pistas por dez minutos. Apesar do protesto, não houve congestionamento. Policiais rodoviários foram até o local e, em pouco tempo, a manifestação terminou. Segundo o coordenador do movimento, Aparecido Honório da Silva, o ato teve como objetivo tentar sensibilizar a polícia e o DER (Departamento de Estradas e Rodagem) sobre a necessidade de haver lombadas na rodovia, faixas de sinalização e acostamentos para dar mais segurança aos pedestres que moram no assentamento Conquista, em Tremembé.A Polícia Rodovia Estadual informou que o DER é responsável pela sinalização e construção de acostamento na rodovia. Segundo a assessoria de imprensa do DER, nesta semana, técnicos e engenheiros vão fazer uma vistoria na estrada para saber da possibilidade das obras de acostamento no local.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.