MST fará protesto na Avenida Paulista

Militantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST) estão concentrados no vão livre do Masp, na Avenida Paulista, região central de São Paulo, para realizar uma passeata em protesto contra a morte dos 19 sem-terra emEldorado dos Carajás (PA), que hoje completa 5 anos. Segundo a Polícia Militar, 150 manifestantes estão reunidos. Para a direção do movimento, são cerca de 500. Os sem-terra querem que o julgamento dos acusados pelo massacre seja transferido da Justiça Estadual Paraense para a Justiça Federal. Até hoje, nenhum policial militar que participou da ação foi condenado.Os sem-terra protestarão em frente aos prédios da Justiça Federal e do Banco Citibank, na Avenida Paulista, e da Petrobras, na Rua dos Ingleses. Às 15 horas, farão ato na Praça da Sé. Segundo Cledson Mendes, diretor estadual do MST, políticos de oposição e líderes do movimento discursarão contra o governo Fernando Henrique, a ajuda do Fundo Monetário Internacional (FMI) ao Brasil e a integração do País à Alca.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.